Chaos Engineering e Over Engineering no Grupo Movile

Chaos Engineering e Over Engineering no Grupo Movile

Nesta edição do QCon Pocket, teremos 2 apresentações de profissionais do Grupo Movile compartilhando desafios e aprendizados na utilização de práticas de Chaos Engineering, e causas principais para você evitar a Over Engineering em seus projetos. Confira os detalhes de cada uma dessas apresentações:

* Como ter aplicações previsíveis com Chaos Engineering (Engenharia do Caos) | José Carlos Brabo, Head Of Technology at Sympla and PlayKids

Ter uma aplicação previsível e resiliente é questão de sobrevivência para a Sympla. A instabilidade na plataforma de venda de ingressos pode acarretar em grandes prejuízos para quem organiza eventos, além de gerar problemas para as dezenas de milhares de pessoas que queriam comprar seu ingresso ou inscrição, mas não conseguiram. Nos últimos meses temos aplicado práticas de Chaos Engineering (Engenharia do Caos) para deixar nossa plataforma mais previsível e temos obtido resultados bastante positivos nesse processo.

Nessa palestra irei compartilhar como práticas como a inserção de falhas, interrupções, quedas e lentidão na infraestrutura e aplicação tem sido fundamentais para avaliarmos o comportamento da plataforma frente a situações não previstas durante o desenvolvimento. Também compartilharei como a melhoria e avaliação de monitoramentos, mecanismos de retentativas, resiliência, idempotência nas chamadas e medição de tempos em qualquer queda ou disaster recovery tem sido cruciais para as melhorias alcançadas.

* Os três passos para evitar o precipício da Over Engineering | Carlos Felipe Maradeia, Tech lead at Zoop

Entregar o melhor software que atenderá as demandas de um cliente ou exagerar em recursos e soluções técnicas que nunca serão utilizadas. Essa é uma linha tênue existente no desenvolvimento de aplicações e nem sempre óbvia e fácil de ser identificada. Como consequência, não é raro encontrar soluções técnicas com uma super engenharia (Over Engineering) gerando mais complexidade do que a entrega de resultado ou um software funcional.

Nesta palestra serão apresentadas três causas que são criteriosamente analisadas e debatidas dentro do time de Digital Payments da Zoop para mitigar as chances de Over Engineering em nossos projetos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *