Como importar o arquivo de resultados da Mega Sena utilizando o PHP

A Caixa libera um arquivo HTML contendo todos os jogos e números sorteados, mas como fazer para utilizá-lo em seu aplicativo?

A primeira coisa que você precisa é ir a página da Caixa e fazer download dos Resultados da Mega Sena por Ordem de Sorteio. Extraia o pacote ZIP, utilizaremos o arquivo D_MEGA.HTM.

Em PHP, você poderá importar os dados utilizando este código abaixo:

[code language=”php”]
<?
$lstr_documentHTML = file_get_contents("D_MEGA.HTM");

$lstr_documentHTML = str_ireplace("&nbsp", "&nbsp;", $lstr_documentHTML);
$lstr_documentHTML = str_ireplace("&nbsp;;", "&nbsp;", $lstr_documentHTML);

$lobj_documentHTML = new DOMDocument(‘1.0′,’UTF-8’);
$lobj_documentHTML->loadHTML($lstr_documentHTML); //$lobj_documentHTML->loadHTMLFile("D_MEGA.HTM");
$lobj_documentNodes = $lobj_documentHTML->getElementsByTagName(‘tr’);

foreach ($lobj_documentNodes as $lobj_documentNode) {
$lobj_columns = $lobj_documentNode->getElementsByTagName(‘td’);

if ($lobj_columns->length == 21) {
echo "<p>";
echo "Número: ".$lobj_columns->item(0)->nodeValue."<BR>";
echo "Data: ".$lobj_columns->item(1)->nodeValue."<BR>";
echo "1ª Dezena: ".$lobj_columns->item(2)->nodeValue."<BR>";
echo "2ª Dezena: ".$lobj_columns->item(3)->nodeValue."<BR>";
echo "3ª Dezena: ".$lobj_columns->item(4)->nodeValue."<BR>";
echo "4ª Dezena: ".$lobj_columns->item(5)->nodeValue."<BR>";
echo "5ª Dezena: ".$lobj_columns->item(6)->nodeValue."<BR>";
echo "6ª Dezena: ".$lobj_columns->item(7)->nodeValue."<BR>";
echo "</p>";
flush();

}

}
?>
[/code]

2 comentários em “Como importar o arquivo de resultados da Mega Sena utilizando o PHP

  1. Olá!
    Gostei muito do seu post.
    Comecei estudar programação a pouco tempo, gostaria de saber se teria como faço depois de manipulados os dados, como salva-los em um um DB Mysql ou postgreSql?

    1. Sim, Pablo! Uma vez tratados os dados, utilizando uma linguagem de programação qualquer, você poderá fazer o que quiser com eles: enviar por e-mail, fazer cálculos, armazenar em arquivo texto, ou até mesmo no banco de dados.

Deixe uma resposta para Paulo A. Costa Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *